Blog de Viagens-Europa

Tudo o que precisa de saber para assistir à Aurora Boreal

Aurora Boreal: As Melhores Dicas para ver as Luzes do Norte

A aurora boreal, ou aurora polar, é um fenómeno de grande interesse e que causa muito fascínio em quem o vê. Na verdade, a aurora boreal acontece porque os ventos solares, nos hemisférios terrestres, transportam partículas chamadas de plasma solar às quais o campo magnético terreste cria uma reação física e química (e ótica), que é um verdadeiro espetáculo natural de luz e cor.

 

Melhor altura do ano para ver as Luzes do Norte

Para ter a sorte de captar a aurora boreal, é importante planear a sua viagem nos meses em que o céu está mais escuro, e que as noites são mais longas, sendo por isso, preferível viajar rumo ao hemisfério norte entre Outubro e Março, dando preferência aos meses de inverno. Uma viagem de Inverno para ver as Luzes do Norte é uma experiência única e inesquecível!

 

Dicas para ver a Aurora Boreal

Algumas das melhores dicas para ver a aurora boreal são, em primeiro lugar, a duração da viagem. Se puder estar no destino pelo menos uma semana terá maior probabilidade de conseguir ver o fenómeno. Por outro lado, procure descobrir qual é o horário em que é mais fácil ver a aurora boreal em cada destino. Pode variar de destino para destino e os locais saberão qual o melhor horário. Além destas duas medidas, deverá procurar viajar até lugares onde haja menos poluição luminosa, por isso é boa ideia sair dos grandes centros e explorar lugares mais inóspitos.

 

Os melhores destinos para ver as Luzes do Norte

As Luzes do Norte podem ser vistas em vários países logo abaixo do Círculo Polar Ártico, e existem destinos onde o seu aparecimento é bem documentado. Descubra os melhores sítios para viajar para ver a Aurora Boreal (e não só – porque são destinos fascinantes para umas férias de Inverno inesquecíveis).

 

Finlândia

Na Finlândia, um dos lugares mais emblemáticos para vislumbrar a mágica aurora boreal é na Lapónia, nos arredores da cidade de Rovaniemi, de onde é original o Pai Natal. Emblemática por si só, esta cidade oferece excursões específicas para ver as auroras boreais, e pode ainda ter experiências únicas como andar de trenó ou visitar um hotel feito de gelo!

Suécia

Em Kiruna, uma cidade no Norte da Suécia (e por isso apenas a 200km do Círculo Polar Ártico) é possível ver as Luzes do Norte, apesar de muitas vezes ser possível avistá-las noutras partes do país. A Suécia é um país com paisagens únicas, que ficam ainda mais encantadoras quando tudo se pinta de branco. Depois de avistar a aurora boreal, deixe-se encantar com a cultura e a beleza natural deste país incrível.

Islândia

Se quer viver a natureza no seu estado mais puro, tem de ir conhecer a Islândia. E se bem planeado, na altura certa do ano, e rumando para longe dos maiores centros urbanos da cidade de Reiquiavique, conseguirá ver a aurora boreal no seu esplendor máximo. Depois de ficar a conhecer a capital islandesa, e se deixar encantar pelo movimento da cidade; rume ao Parque Nacional de Thingvellir (onde não há poluição luminosa) e onde terá probabilidade de ver as Luzes do Norte. E quando já tiver captado a aurora boreal, deixe-se fascinar pelos vulcões, lagos, parques e paisagens deste país incrível.

Noruega

Se ainda não conhece a Noruega, uma expedição em busca da aurora boreal pode ser a razão perfeita para ir visitar. A cidade de Tromso, no norte da Noruega é por muitos apelidada como a capital das auroras boreais, localizada mesmo no círculo polar ártico, porque várias pessoas já conseguiram testemunhar este espetáculo natural. São várias as opções: pode ir num tour, alugar carro ou observar a aurora boreal através de uma das várias estações de observação situadas na cidade. Mas a Noruega tem muito mais por descobrir: ir numa viagem de barco para observar baleias, passear pelas grandes cidades e conhecer a cultura do país, e até ir conhecer o povo Sámi (os indígenas do círculo polar ártico que são criadores de renas).

Se ficou curioso em conhecer destinos de inverno fascinantes, com a possibilidade de avistar as emblemáticas auroras boreais, planeie já a sua viagem! Na ecoTravel oferecemos programas à medida que incluem estes destinos. 

Margarida Cunha

Margarida Cunha

Este site utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao visitar o site está a consentir a sua utilização.
Conheça a nossa Política de Privacidade e de Cookies aqui.