Alerta Viagem - Covid-19

  • INFORMAÇÕES

     

    Acompanhamos diariamente a evolução do surto Covid-19 e as suas implicações. Estamos atentos às recomendações das entidades competentes, nacionais e internacionais, nomeadamente a Direção Geral da Saúde, e a Organização Mundial da Saúde (OMS), entre outras, de forma a estarmos sempre ao corrente da situação e a melhor informar os nossos clientes. Salientemos abaixo algumas medidas e alertas a ter em conta.

     

  • RECOMENDAÇÕES

     

    Aos poucos, seguindo todas as recomendações da DGS e OMS, podemos voltar às nossas viagens. Paralelamente, as fronteiras entres os países europeus começam a abrir-se aos portugueses, juntamente com o regresso das ligações aéreas (com as respetivas medidas de segurança necessárias implementadas por cada companhia aérea).

     

    Para férias e turismo, considere seriamente a oportunidade de conhecer melhor Portugal e de usufruir das excelentes condições que o seu país oferece, para lazer, cultura e bem-estar.

    Para contactos profissionais, prefira o teletrabalho e a comunicação eletrónica. Evite viagens não essenciais para fora da União Europeia ou de países Schengen. Ao agir assim, protege-se e aos seus concidadãos

     

    Caso pretenda viajar em breve, relembramos algumas recomendações de forma a se proteger a si e à comunidade que o rodeia:

     

    1. Praticar as regras da DGS e OMS no que diz respeito ao distanciamento social e uso de máscaras certificadas em locais onde seja obrigatório;

    2. Anotar os contactos de emergência locais e nacionais;

    3. Verificar se dispõe de passaporte válido. Alguns países exigem um prazo de validade que poderá ir até 6 meses após a conclusão da viagem e outros não aceitam passaportes temporários;

    4. Confirmar que a sua entrada no país de destino está autorizada. Informe-se junto da sua agência de viagem ou das embaixadas dos países representados em Portugal sobre a necessidade de obtenção de visto.

    5. Adquirir atempadamente o bilhete e garantir que tem as condições e os meios necessários para a viagem, mesmo que seja necessário prolongar a permanência no país ou adquirir novos bilhetes de regresso;

    6. Obter o seu Cartão Europeu de Seguro de Doença ou informar-se sobre quaisquer acordos de assistência médica que possam existir com os locais de destino;

    7. Informar-se, com antecedência, quanto à necessidade de cuidados de saúde especiais (por exemplo vacinas ou precauções especiais). Preferencialmente, realizar uma Consulta do Viajante;

    8. Fazer um seguro de viagem que inclua assistência médica, roubo, furto e despesas de repatriação; 6. Registar a sua viagem no Registo Viajante e informar algum familiar ou amigo da data de partida e da previsível hora de chegada. Indique o país ou países de destino, moradas e números de telefone de contacto.

     

    Aprofunde estas informações e recorde os cuidados a ter durante a viagem no Portal das Comunidades Portuguesas do Ministério dos Negócios Estrangeiros.

     

  • POLÍTICA DE LIMPEZA E HIGIENIZAÇÃO DOS NOSSOS ESPAÇOS

     

    Implementámos medidas de segurança com o intuito de proteger os nossos colaboradores e clientes.

    • Dotamos os nossos espaços de desinfetantes antibacterianos (escritório e loja);
    • Limitamos a permanência na agência ecoTravel a um máximo de 2 clientes
    • Os nossos colaboradores trabalham dias diferenciados, de forma a evitar o contacto, e com distanciamento
    • Dentro do escritório, garantimos o distanciamento entre colegas de mínimo de 2 metros de distância

     

    Atualizamos diariamente as nossas medidas de segurança, sempre em conformidade com as entidades governamentais, a OMS, entre outras.

    Estamos certificados com o selo Estabelecimento “Clean&Safe”, criado pelo Turismo de Portugal, de forma reconhecer os Empreendimentos Turísticos, Empresas de Animação Turística e Agências de Viagens e Turismo que assumam compromisso de cumprir as recomendações emitidas pela Autoridade Turística Nacional em coordenação com a Direção-Geral da Saúde para reduzir riscos de contaminação dos seus espaços com o novo coronavírus.

     

  • POLÍTICAS DE CANCELAMENTO

     

    Em virtude da proposta de lei avançada pela APAVT (Associação Portuguesa das Agências de Viagens e Turismo) e em concordância com o Governo português, serão entregues vouchers no valor pago pelo Cliente a serem usufruídos até 31 dezembro de 2021.

    Findo este prazo, sem que tenha possibilidade de usufruir do crédito, o montante em questão será devolvido de imediato.

    Existem, no entanto, alguns casos excecionais em que será devolvido o valor ao cliente (caso de desemprego criado pelos efeitos do covid-19). Para saber mais sobre esta situação, contacte-nos

     

  • LINKS IMPORTANTES QUE DEVEMOS CONSULTAR ANTES DE VIAJAR

     

     

     

Não encontrou o que estava à procura?

ou precisa da nossa ajuda? Fale connosco
* Os campos assinalados são de preenchimento obrigatório.
Este site utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao visitar o site está a consentir a sua utilização.
Conheça a nossa Política de Privacidade e de Cookies aqui.